quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Membro da ABPEducom vence Prêmio ARede 2013



Em cerimônia realizada na noite de segunda-feira, 28, o projeto Agência Jovem de Notícias, iniciativa colaborativa da Viração, membro fundador da ABPEducom, foi um dos contemplados pelo Prêmio ARede 2013, vencendo a categoria Terceiro Setor – Capacitação e Formação. O evento, ocorrido em São Paulo (SP), premiou iniciativas privadas, públicas e do terceiro setor, espalhadas pelo Brasil, que promovem a inclusão social utilizando as tecnologias de informação e comunicação. 

 O Prêmio ARede é considerado uma das principais premiações da área e é organizado pelo Instituto Bit Social e pela revista ARede. Em sua sétima edição, cerca de 200 projetos foram inscritos e avaliados por uma comissão julgadora composta por representantes da sociedade civil, do governo e do setor privado. 

Entre os premiados da noite, estavam o Floresta Digital, projeto do governo do Acre que oferece internet sem fio gratuita a população, o Inclusão Produtiva de Jovens e Pessoas com Deficiências, do IOS, que busca incluir pessoas com deficiência no mercado de trabalho, e Escrevendo com o Escritor, do Instituto Francisca de Souza Peixoto, que promove encontro dos jovens com autores de livros, como incentivo à leitura. 

A Agência Jovem de Notícias (AJN) recebeu o Prêmio pelo período de 2012, quando formou 70 adolescentes e jovens durante 38 encontros, mais as coberturas educomunicativas durante o ano. Pela Vira, receberam o Prêmio a presidenta da organização Susana Sarmiento, a diretora-executiva Lilian Romão, os educomunicadores Rafael Silva e Elisangela Nunes, e os adolescentes Carlos Eduardo, Paolla Menchetti, Victoria Satiro, Nathalia Salvatore e Jonathan Saints, adolescentes que integram a AJN. 

O núcleo de formação da AJN acontece em São Paulo desde 2011 e recebe adolescentes e jovens de diferentes pontos da cidade para discutir temas relacionados ao direito humano à comunicação, juventudes, cidadania etc, e capacitação técnica para a produção de comunicação, como redação, fotografia, webrádio, redes sociais e mídias artesanais. Esse processo se consolida em produtos de comunicação colaborativos, que têm o potencial de envolver outros agentes, expandir a rede de pessoas trabalhando pela comunidade e a cidade, servir como veículo de divulgação das ações de organizações não-governamentais e governamentais da cidade. 

A AJN tem entre seus parceiros o Funda das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e o apoio de organizações como a Casa de Cultura e Cidadania, Curso Popular Mafalda, ETEC Cepam, EMEF Sud Menucci, Sou da Paz, TV USP, Ação Educativa e Coletivo Imagem.

Fonte/Foto: Agência Jovens de Notícias.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...