sábado, 11 de abril de 2015

Licenciatura em Educomunicação é reconhecida pelo Conselho Estadual de Educação de São Paulo

A Escola de Comunicações e Artes e, em especial, os professores e alunos da Licenciatura em Educomunicação do Departamento de Comunicações e Artes encontram-se em festa: o diário oficial do Estado de São Paulo publicou, em sua edição do dia 09 de Abril, o reconhecimento do curso, por parte do Conselho Estadual de Educação.

A Licenciatura em Educomunicação havia sido aprovada pelo Conselho Universitário, em novembro de 2009, tendo o curso sido instalada em março de 2011. No momento, cinco turmas em funcionamento e 110 alunos inscritos, o curso prepara-se para formar os primeiros educomunicadores, que, no momento, escrevem seus TCCs para defesa pública até meados do corrente ano.
O reconhecimento dos cursos de licenciatura por parte do Conselho Estadual de Educação faz parte da rotina universitária e deve ser solicitado pela Universidade após os quatro primeiros anos de funcionamento do programa. A obtenção do reconhecimento legitima o diploma a ser outorgado aos alunos que finalizarem o curso, após cumprirem o que estabelece o currículo adotado pela Universidade.

No caso da Licenciatura em Educomunicação, o reconhecimento do CEE tem um valor peculiar, levando em conta tratar-se de um programa que forma licenciados para trabalhar na educação básica numa área absolutamente nova para o sistema educacional formal: a comunicação.

Entendem os coordenadores e professores da Licenciatura que a aprovação do curso pelo CEE facilitará o diálogo com os sistemas de ensino público e privado, bem como com as organizações que trabalham com práticas educomunicativas, no sentido de acolherem o formando, para estágios supervisionados, além de empregarem os recém-formados para cumprirem atividades previstas na interface entre a comunicação e a educação.


Perfil dos alunos
Algumas características diferenciam o perfil dos alunos da Licenciatura em Educomunicação dos inscritos nas demais 42 licenciaturas da USP:
1ª. A porcentagem de alunas é a mesma que a de alunos: 50%, enquanto nas demais licenciaturas predomina o sexo feminino que, em alguns cursos, chega a configurar 90% dos matriculados;
2ª. Um total de 50% dos matriculados realiza sua segunda formação, em nível de graduação;
3ª. Um total de 20% dos inscritos já possui pós-graduação (especialização, mestrado, doutorado ou, mesmo, pós-doutorado em áreas de sua primeira formatura);

Semana Educom
Em 2015, os alunos da Licenciatura negociaram com a coordenação do curso e a chefia do Departamento a realização de uma Semana Educom, logo no início do semestre, na sequência à “Semana dos Calouros”. Na ocasião, os alunos das primeiras turmas debateram com os colegas ingressantes temas de interesse comum, especialmente voltados para o perfil do profissional que o curso pretende formar.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...