quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Educomunicação é reconhecida em Portugal: pesquisa destaca primazia do NCE/USP em sua sistematização

A educomunicação é reconhecida, em Portugal, como campo novo, de interesse para a educação social. Artigo reconhece a primazia do NCE/USP em sua sistematização e faz amplo levantamento da prática em território brasileiro. É o que se pode constatar pela leitura de pesquisa desenvolvida por Ana Cristina Rodrigues SILVA e Ana Luísa de Oliveira FERREIRA, recentemente difundida na Internet, sob o título: “Educomunicação: Um novo campo para intervenção do Educador Social”. O texto foi originalmente publicado pela revista EDUSER: Revista de Educação, do Instituto Politécnico de Bragança, Portugal, [Vol 3(2), 2011, pg 27-44 ].

O artigo resulta de uma investigação específica acerca dos contributos que a Educomunicação pode dar à Educação Social, desenvolvida na Universidade Portucalense, no âmbito do Mestrado em Ciências da Educação – Especialização em Educação Social. O texto concluiu que a Educomunicação é um novo e importante campo para a Educação Social, que permite alargar os conhecimentos do Educador Social, assim como o seu âmbito de atuação profissional.

Ao longo de suas 16 páginas, o artigo traz uma contribuição diferenciada ao recuperar os esforços internacionais que tentaram aproximar a comunicação e a educação, desde as guerras mundiais até a pesquisa do NCE/USP, no final dos anos de 1990.

O texto passa a representar um importante documento para o estudo da epistemologia do conceito e da contribuição da USP na sua formulação e difusão.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...