sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Dante integra projeto inovador em educomunicação

Crédito: Equipe Educom.geraçãocidadã
O Colégio Dante Alighieri anunciou, em junho de 2016, sua participação em um grande projeto de educomunicação que vem sendo debatido com diversas entidades da área educacional desde o início do ano. Nomeado Educom.geração.cidadã.2016, o projeto prevê a troca de experiências entre professores e alunos tanto da rede pública quanto da rede privada de ensino. Sua base será um curso interinstitucional envolvendo alunos da oficina Dante em Foco e do CEU EMEF Casa Blanca*.
Além das duas escolas envolvidas, integrarão a experiência a Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais da Educomunicação (ABPEducom), a Diretoria Regional de Educação Campo Limpo e o Núcleo de Educomunicação da Secretaria Municipal de Educação, que também contará com o apoio do Núcleo de Educomunicação da USP (NCE-USP).

Partindo-se do entendimento da tecnologia como linguagem, o projeto, articulado pela ABPEducom, terá como foco promover o protagonismo dos estudantes na reflexão e produção midiática sobre temas por eles escolhidos, o que se fará com ênfase na formação e na prática cidadãs.

Em termos mais acadêmicos, o resumo oficial do projeto aponta que a proposta é atuar “em consonância com as teorias da Educomunicação legitimadas em pesquisas, com as diretrizes nacionais para o 7º ano à 2ª série do Ensino Médio do Colégio Dante Alighieri, bem como com as normas para o Ciclo Autoral da SME (7º ao 9º ano do Ensino Fundamental). A proposta dedica uma especial atenção às metas da Unesco em torno do tema da Educação Midiática e Informacional, tendo também como matriz referencial as habilidades previstas pelo Enem, permeando a área de Códigos e Linguagens e suas Tecnologias”.

Cada instituição terá um representante colaborando com a coordenação do projeto pedagógico. Da parte do Dante, a função estará a cargo da coordenadora-assistente de Tecnologia Educacional, professora Verônica Cannatá. A jornalista e professora Barbara Endo e o estagiário em Educomunicação, Adriano Leonel, ambos do Dante, também atuarão na condução do projeto. O professor doutor Ismar de Oliveira Soares, parceiro de longa data do Dante, integrará a coordenação representando a ABPEducom.

A professora Verônica Cannatá falou de suas expectativas a respeito do projeto. “Esperamos que, por meio da educomunicação, possamos aproximar jovens na cidade de São Paulo. Jovens que, independentemente da região em que vivem, almejam ser ouvidos e desejam promover uma transformação social”, afirmou.

O Dante trabalhará com uma equipe de até 16 alunos do 7º ano do Ensino Fundamental à 2ª série do Ensino Médio, enquanto a DRE Campo Limpo, por meio de docentes e discentes envolvidos com o Projeto Imprensa Jovem, mobilizará uma turma de até 16 alunos do Ciclo Autoral CEU EMEF Casa Blanca. Além disso, as portas do Educom.geraçãocidadã.2016 ficarão abertas a estagiários da Licenciatura em Educomunicação da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), que terão a oportunidade de participar das aulas e colaborar com o desenvolvimento das atividades.

Cada uma das entidades envolvidas oferecerá os recursos de que dispõe para enriquecer as experiências. O Dante, por exemplo, disponibilizará o estúdio móvel da TV Dante e o estúdio da Rádio Dante, além de fornecer dispositivos móveis para a produção de conteúdo na instituição. O projeto terá seus produtos finais disponibilizados também na webtv do Dante e estará presente, ainda, nas mídias sociais digitais, onde o conteúdo acadêmico produzido no decorrer do semestre será publicado.

A abertura oficial do Educom.geraçãocidadã.2016 será realizada em 13 de agosto no Dante e contará com todos os educadores e estudantes diretamente envolvidos no projeto, além de seus respectivos familiares. Nos encontros seguintes, professores e alunos também visitarão o CEU EMEF Casa Blanca e o estúdio de audiovisual da Licenciatura em Educomunicação da USP, ocasiões nas quais se poderá dar início à produção de conteúdo.

O pesquisador e coordenador do NCE-USP, professor doutor Ismar Soares, lembrou a importância de haver incentivos às propostas que estimulem o protagonismo dos alunos. “É importante a instituição favorecer um ambiente que garanta a eles o direito à expressão. O Dante mostra bem isso com a abertura de propostas como a oficina Dante em Foco. E a perspectiva, com esse tipo de trabalho, é notar o quanto a tecnologia ajuda e empodera a cidadania”, disse.

O projeto se encerrará em 29 de outubro de 2016 com a apresentação dos produtos desenvolvidos no decorrer das atividades. Em 4 de novembro, integrantes do Educom.geraçãocidadã.2016 se apresentarão no V Global MIL Week, congresso sobre Media and Information Literacy (em tradução livre,Introdução a Mídia e Informação), organizado pela Unesco.

Clique aqui para acessar a página do Educom.geraçãocidadã.2016 no Facebook!

*Centro Educacional Unificado, projeto municipal de educação. O nome completo da unidade em questão é Centro Educacional Unificado Escola Municipal de Ensino Fundamental Casa Blanca.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...